Ligeirinho adeus…

Futebol
Foto: Reprodução/Facebook
Redação Esporte
Escrito por Redação Esporte

Grande repórter de campo. Não no tamanho, mas no talento e competência. Sempre chegava com a informação em cima. Não era à toa seu apelido de Ligeirinho. Corria mais que todos os que trabalhavam no campo, isso num tempo em que várias rádios e emissoras de televisão transmitiam futebol, portanto chegar na frente para entrevistar o destaque do jogo era um grande diferencial.

Eduardo Luiz era um grande cara. Amigo, parceiro e marcou época no mítico Escrete do Rádio como a equipe da então Bandeirantes, hoje Band era conhecida. Um timaço! Fosse hoje e cobrisse atletismo Seria ele o primeiro a chegar para entrevistar Usain Bolt.

Tive o privilégio de trabalhar com o Ligeirinho em algumas transmissões e até em cobertura de carnaval. Portanto aos amigos que acham que o pessoal do esporte fazer narração e reportagem em carnaval é fato novo afirmo que não. Numa dessas ocasiões ele cobriu os bailes do Corinthians e eu os da Portuguesa. Era uma festa.

Ligeirinho fez uma dupla histórica com Roberto Silva nas reportagens de campo. Sim houve um tempo em que a audiência do futebol no rádio era maior que a da tevê e a reportagem de campo era um dos destaques da transmissão. Grandes tempos do futebol no rádio.

A Rádio Bandeirantes tinha uma verdadeira constelação em seu Escrete do Rádio. Gente que fez história. Alguns, felizmente, ainda desfilam seu talento por aqui. A maioria com muita saudade de todos nós está no lugar certo das constelações. No céu.

A Deus, Ligeirinho…

Sobre o autor

Redação Esporte

Redação Esporte

Um dos maiores especialistas em esportes olímpicos, narrador e comentarista esportivo.

Deixe o seu comentário