Thiago Braz contra Usain Bolt (acredite se quiser)

Gonzalo Fuentes/Reuters

Vamos falar de atletismo, e vamos falar de Thiago Braz, campeão olímpico do salto com vara nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

A IAAF (Federação Internacional de Atletismo) indicou o brasileiro Thiago Braz para disputar o prêmio de Melhor do Ano do Atletismo, em cerimônia que será realizada no Principado de Mônaco, no mês de dezembro.

Companhias de qualidade não faltam. Também estão na disputa o inglês Mo Farrah, dos 5 e 10 mil metros; os americanos Ashton Eaton, do decatlo, e Christian Taylor, do salto triplo; os quenianos Eliud Kipchoge, da maratona, David Rudisha, dos 800 metros rasos, e Conselus Kipruto, 3 mil metros com obstáculos. Completam a lista o jamaicano Omar McLeod, dos 110 metros com barreiras, e o sul-africano Wayde Van Niekerk, dos 400 metros rasos.

O que eles têm em comum além do enorme talento? A resposta é fácil: todos foram medalhistas de ouro na Olimpíada do Rio. Ou seja, todos podem ser considerados como sérios candidatos ao título, mas não acaba por aí.

Falta um nome, e ele, claro, é o grande favorito: Usain Bolt. Ele é o maior nome da história do atletismo, com nove finais olímpicas disputadas e nove ouros. Isso é praticamente impossível de ser repetido por alguém.

Thiago ser indicado para o prêmio já vale como uma vitória. Ele derrotou o dono da maior marca da modalidade, superou a pressão de saltar em casa e, depois dos Jogos, continuou com marcas expressivas, mesmo sua preparação sendo específica para o Rio. Ele está definitivamente inserido na elite do salto com vara.

Melhor de tudo é que a indicação permite ao público brasileiro apoiar seu atleta campeão. A eleição é interativa e todos podem votar. Basta ir ao site da Federação Internacional de Atletismo e participar. Os três primeiros colocados pelo público disputam o título de melhor do ano do atletismo de 2016 em 02 de dezembro. Vamos torcer e votar para Thiago voar alto mais uma vez .

Clique aqui e saiba como votar.

Deixe uma resposta